IMG_3047.jpg

Hq

* personagens *

Com a extensa produção de manifestações estéticas e atentados poéticos gerados na Ditadura Gay, sentimos a necessidade de organizar nossas experiências em uma narrativa ficcional. Para isso convidamos o artista visual Bruno Marcitelli aka B.U.Z.Z.  Em seu trabalho, B.U.Z.Z. utiliza como referências mitologias ancestrais e contemporâneas de populações CIStemicamente marginalizadas para compor pinturas digitais. Sua técnica usa da ilustração digital sobre a fotografia, o que dá um tom documental à produção ficcional de suas narrativas visuais. 

Seu primeiro quadro, intitulado #DIATADURAGAY, foi exposto em uma mostra universitária na UFMG em impressão 4X4 em PVC. A obra foi vandalizada por um grupo de conservadores no primeiro dia da mostra.

Esses fatos nos levaram  a articular com o artista e convidá-lo para expandir essa narrativa em forma de História em Quadrinhos (HQ), tanto pela potência visual da linguagem, quanto pela acessibilidade discursiva que comunica com as camadas mais populares.

O processo de criação da HQ se dava da seguinte forma: Realizamos ensaios fotográficos de nossos atentados poéticos e enviávamos para o B.U.Z.Z., que organizava e estilizava digitalmente as imagens para produzir a narrativa visual.

Para engrossar o caldo, convidamos o escritor Marcelino Freire para escrever um conto autoral inédito que organizasse nossas produções em forma de ficção visionária (conceito usado pela abolicionista penal Walidah Imarisha e que pode ser esmiuçado aqui). Marcelino escreve o conto Cidade de Gis, que serve de base para nossa construção narrativa.

No presente momento estamos em fase de finalização da HQ e procurando recursos para poder realizar a impressão de uma primeira edição.

© 2021 por Murilo Gaulês & Diego Nascimento.