IMG_4950_Grupo_2.jpg

O projeto "TRANSgressoras ou como recuperar o fôlego gritando" busca encontrar, pela interseção de vários saberes distintos e em rede, possibilidade de produção de autonomia, reconhecimento coletivo e denuncia para mulheres trans e travestis egressas do sistema prisional. Entendendo a cultura como caminho para compreender e a arte para reinventar realidades, o projeto utiliza de recursos do fazer em arte como arsenal bélico de resistência a violência institucionalizada contra mulheres trans. Dividido em três etapas: formação, produção e difusão/compartilhamento, o trabalho percorre um caminho de diversas ações e com muitas mãos para buscar possibilidades potentes e reais ao problema tratado